8 FILMES PRA VOCÊ ASSISTIR ANTES DE VIAJAR PRA ARGENTINA

27.08.2018 | Argentina, Arte Pelo Mundo, Buenos Aires, Destinos, Dicas, Filmes

Pra você que é apaixonado pela terra dos nossos hermanos e está planejando visitar a Argentina, preparamos um “aquece” para a sua viagem. Queremos que você já vá se familiarizando com o idioma e, principalmente, com a atmosfera portenha. Por esse motivo, preparamos uma lista com 8 filmes que você deveria assistir antes de embarcar! Prepara a pipoca e se joga no sofá! 😀

1 – O SEGREDO DOS SEUS OLHOS (2009) / Título original: “El Secreto de Sus Ojos”

Esse filme é considerado uma das maiores obras-primas do cinema argentino, tanto que ganhou o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro naquele ano. Dirigido por Juan José Campanella, e baseado em uma obra escrita por Eduardo Sacheri, o filme tem como personagem principal Benjamin Espósito, que escreve um livro sobre um crime que sempre lhe atormenta.

Benjamin é interpretado pelo aclamado e premiado ator Ricardo Darín, que está em 7 de 10 filmes argentinos, jejejeje…mas sem exagero, o cara é quase onipresente. Baita ator!

O longa-metragem conta com uma das cenas mais marcantes do cinema latino-americano, onde há um plano-sequência filmado no Estádio El Palacia, casa do Club Atlético Huracán, em Buenos Aires.

2 – DIÁRIOS DE MOTOCICLETA (2004) / Título original: o mesmo (mundialmente conhecido como “The Motorcycle Diaries”)

Neste longa, você irá se deparar com paisagens belíssimas não só da Argentina, mas também de países como Chile, Colômbia e Peru. Este filme narra a história e o livro de memórias do argentino Ernesto Guevara, mais conhecido como Che Guevara, e Alberto Granado, que cruzaram a América do Sul inicialmente de moto, depois caminhando e pedindo caronas.

Dirigido pelo brasileiro Walter Salles, estrelado pelo mexicano Gael García Bernal e pelo argentino Rodrigo de la Serna, foi indicado a vários prêmios, ganhando o Oscar de Melhor Canção, por “Al otro lado del río”, do compositor uruguaio Jorge Drexler, em 2005.

Além das belas paisagens, o filme faz com que você faça uma verdadeira imersão na cultura latino americana (só pelo mix de países envolvidos na produção já dá pra ter uma ideia). É impossível assistí-lo sem ter vontade de cair na estrada! Outra obra prima!

3 – EVITA (1996) / Título original: o mesmo

Evita é um filme estadunidense de 1996, um drama musical biográfico, dirigido por Alan Parker e com roteiro baseado na peça teatral de Tim Rice, de mesmo nome. Apesar de não ser um filme de produção argentina, está em nossa lista “apenas” por se tratar da história de Eva Perón (Evita), uma das mais populares primeiras-damas da América Latina de todos os tempos, idolatrada na Argentina. Sua vida é narrada em flashback e interpretada por Madonna. Tem também Antônio Banderas no elenco como Che.

Não que a gente tenha amado o filme, mas além de ele ter sido indicado à muitos prêmios e ganho o Oscar de Melhor Canção Original, assisti-lo é uma forma de entender a importância da figura Evita para a Argentina. Há referências a ela em muitos lugares que você irá passar em Buenos Aires, e seu túmulo fica no Cemitério da Recoleta, um clássico ponto turístico da cidade.

4 – MEDIANERAS (2011) / Título original: o mesmo

Esse longa-metragem mostra o paradoxo que é viver em uma cidade grande como Buenos Aires. Com o intuito de exibir a solidão da vida urbana, ao contar a história de um casal, do estilo “feitos um para o outro”, mas que não conseguem se encontrar na capital da Argentina. O filme ainda mostra as belezas arquitetônicas da metrópole.

Fugindo dos estereótipos, Medianeras reflete o intrínseco mundo de Buenos Aires e mostra porque o local é o cenário perfeito para a sua próxima aventura urbana!

5 – VALENTÍN (2003) / Título original “El Sueño de Valentín”

Pra variar a temática, recomendamos também o doce Valentín. A história de um menino de 9 anos que vive com sua avó, já que seu pai vive ocupado trabalhando e sua mãe está desaparecida desde a separação quando ele tinha 4 anos. Solitário, o garoto divide seu tempo sonhando em se tornar um astronauta e ouvindo as histórias contadas por sua avó. Seu grande sonho é que seu pai o leve para rever sua mãe, mas ele se irrita só de ouvir a simples menção do nome dela. Valentín passa a acreditar que possa ter enfim uma mãe quando conhece Leticia, a nova namorada de seu pai. No fim das contas, ele só quer ter uma família.

O filme se passa em Buenos Aires nos anos 60 e nos remete a atmosfera dos bairros portenhos, com uma simplicidade cativante, El Sueño de Valentín virou um clássico.

6 – RELATOS SELVAGENS (2014) / Título original: “Relatos Salvajes” (conhecido também como “Wild Tales”)

O filme conta seis histórias diferentes, mas que são movidas por um objetivo comum: a vingança. Um acontecimento trágico, um ato de violência, uma infidelidade amorosa, o retorno ao passado, e até mesmo um acontecimento banal, tiram o controle racional e emocional dos personagens. Aos poucos eles são empurrados para o perigoso limite entre a civilização e a barbárie.

Dirigido por Damián Szifron e protagonizado por Ricardo Darín (!), Rita Cortese, Nancy Dupláa e Dario Grandinetti, foi selecionado para o Palma de Ouro, o prêmio de maior prestígio do Festival de Cinema de Cannes. Também foi indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro em 2015. Outro destaque desta polêmica película é que foi produzida por Pedro Almodóvar. Precisa dizer mais?

Aqui neste link, o pessoal do AdoroCinema fez uma crítica ótima sobre ele!

7 – UM CONTO CHINÊS (2011) / Título original: “Un Cuento Chino” 

Roberto, interpretado por Ricardo Darín (falei no início do post que ele está em todas 🙂 ) é um argentino recluso e mau humorado, que cuida de uma pequena loja. O seu principal hobbie é colecionar notícias incomuns. A sua vida monótona é interrompida quando ele conhece um chinês, que não fala sequer uma palavra em espanhol. O estrangeiro acabara de ser assaltado em Buenos Aires e não tem onde ficar. Relutante, Roberto permite que o turista more temporariamente com ele, e aos poucos descobre algumas informações sobre o homem. Singela e sutil, esta comédia dramática trata das interferências do inusitado na existência humana como um ato de despertar para a vida e abre uma reflexão sobre a comunicabilidade e as diferenças.

Dirigido por Sebastián Borensztein, foi filmado na Argentina e na Espanha, com locações em Buenos Aires e cenas internas na Ciudad de la Luz (Alicante). O filme atraiu mais de um milhão de espectadores aos cinemas argentinos e levou o prêmio de melhor filme e prêmio do público no Festival de Cinema de Roma, além do prêmio de melhor filme hispanoamericano nos Prêmios Goya.

8 – ELEFANTE BRANCO (2012) / Título original: “Elefante Blanco”

O longa se passa em Buenos Aires, porém longe das ruas arborizadas em Palermo e dos tradicionais roteiros turísticos. Elefante Branco, mais recente filme do diretor Pablo Trapero, estrelado novamente por Ricardo Darín, mantém-se numa paisagem que em nada lembra os cartões postais da cidade: a Villa Virgem. Nesta terra dominada pelo narcotráfico e com os mesmos problemas das nossas favelas, o único raio de esperança é a presença dos padres e de uma assistente social. Juntos, eles tentam trazer dignidade a famílias que moram sob precárias condições.

“Elefante Branco” do título, é a carcaça do que seria o maior hospital da América Latina, edificação abandonada provavelmente como efeito da corrupção, então moradia de mais de 300 famílias no coração da Villa Virgem. Mesmo com uma temática realista, que poderia se tornar pesada, a desenvoltura da narrativa permite ao filme passar longe de algo rançoso. Um filme-denúncia no estilo Cidade de Deus, que mostra a outra face da capital portenha – a pobre – e que toda grande metrópole latino americana possui.

Não é nenhuma novidade que o cinema argentino conquistou prestígio no cenário mundial e nos surpreende a cada ano com produções impecáveis, roteiros robustos, personagens marcantes e temáticas imersivas. Portanto, se você puder, assista a todos! 😉

Por Angélica Maldaner

Deixe um comentário

2 comentários em “8 FILMES PRA VOCÊ ASSISTIR ANTES DE VIAJAR PRA ARGENTINA”

  1. adriana ruiz disse:

    Estes filmes são ótimos e tem a marca registrada do cinema argentino. Mesmo sendo de diversos gêneros e temáticas, todos tem o estilo peculiar dos longas daquele país. Para mim, o cinema argentino A é um dos mais interessantes justamente por isso. Um dos últimos filmes que assisti e gostei muito foi o drama A Cordilheira, creio que você possa gostar também.

    • Olá Adriana tudo bem? Concordamos totalmente com vc, o cinema argentino tem sua própria marca e estilo. Filmes muito muito bons! A gente ainda não conhece A Cordilheira, ótima dica vamos anotar e assistir. Muito obrigada pelo carinho e pela visita. Volte Sempre. Um abração 😀