AS CIDADES MAIS COLORIDAS DO MUNDO

10.09.2017 | Hot Spot

Se você pudesse viver em uma cidade cheia de cores e caminhar por ruas que são uma constante lembrança do arco-íris? Onde você moraria? Listamos aqui algumas das cidades mais coloridas do mundo, adornadas por construções que são um verdadeiro deleite para os olhos. As cores dão vida aos dias sombrios e são inspiração em dias ensolarados. As cores são vibrantes e estão em toda parte. Confira as nossas escolhidas:

1 – Valparaíso, Chile

Cidade do coração de Pablo Neruda e principal porto do Chile, Valparaíso é um mar de cores em sua encosta de casas penduradas, labirintos, arte de rua e escadas multicoloridas. Há cores por todos os lados até nos dias cinzas e uma cena artística local efervescente. Você precisa colocá-la em seu roteiro.

Foto crédito: Tour En Chile 

2 – Cinque Terre, Itália

Monterosso al Mare, Vernazza, Corniglia, Manarola e Riomaggiore são os 5 charmosos vilarejos que fazem parte de Cinque Terre, na costa da Riviera Ligure. Seja pela forma como as casinhas nascem penduradas entre a beira-mar e a montanha em Monterrosso, pelos prédios multicoloridos de Vernazza, pelas incríveis casas sobre rochas de Corniglia e Riomaggiore, pelo pôr do sol em Manarola, pelos cafés, flores e labirintos, pelos guarda-sóis coloridos espalhados pela praia, ou pelo azulão do Mar da Ligúria, a exuberância de Cinque Terre não tem fim.

3 – Barcelona, Espanha

O arquiteto catalão Antoni Gaudí queria criar, ao final do século 19, espaços urbanos orgânicos e coloridos na cidade que ele amava. Uma caminhada em torno de Barcelona faz você mergulhar na inigualável assinatura de Gaudí, em cerâmicas, vitrais, prédios e mosaicos multicoloridos que incluem o Parque Güell, a Casa Batlló e culminam em sua obra-prima inacabada La Sagrada Família. Como se isso não bastasse, Barcelona também é a casa de Joan Miró e onde habitam a maior parte das obras dele e do espanhol Pablo Picasso. Cor, imaginação e genialidade.

4 – Istambul, Turquia

Istambul é uma cidade leste-encontra-oeste ricamente colorida e a única no mundo que pertence a dois continentes (Europa e Ásia). Se você é uma pessoa que adora cores, esse é o lugar pra você. Mesmo no inverno, com céus cinzas e monótonos, as cores não desaparecem nem diminuem. Balat – o bairro judeu de Istambul – é uma colcha de retalhos de edifícios vermelhos, azuis e verdes empilhados um no outro. Ao longo do tempo, o bairro tornou-se um destino para turistas interessados em design e recebeu visitantes que vieram para a “Bienal de Design de Istambul”. Todo mundo quer caminhar por aquelas ruelas alinhadas por edifícios coloridos, onde há boutiques, cafés e galerias. As luzes em mosaico cintilante penduradas no Grand Bazaar, tão coloridas e vibrantes, também dão um pequeno sinal da exuberância desta cidade. Um deleite para os olhos e must go absoluta.

5 – Havana, Cuba

A arquitetura colorida de Havana é um produto de seu desenvolvimento histórico. Havana dos séculos XVI e XVII era um espaço urbano colorido. Crônicas escritas pelos europeus oferecem uma imagem de Havana como uma cidade pintada em azul e verde. Afinal, esse foi o período em que nasceu o conhecido “azul colonial”. Essas cores, é claro, foram destacadas pelos telhados elaborados feitos no estilo mourisco. A cidade é um reflexo da nação e do tempo. Com a mistura de tantas raças e culturas, a arquitetura se beneficiou destes diferentes estilos, que tornam os edifícios ecléticos, coloridos e que “cantam dentro da sinfonia lenta e intocável da cidade”.

6 – Bo-Kaap, Cape Town, África do Sul

Coberto em uma incrível mistura de tons de verde limão, azuis, laranjas e rosas, este pequeno centro da Cidade do Cabo na África do Sul está localizado no Signal Hill. Também é conhecido por suas românticas ruas de pedra calçada. Era chamado anteriormente de Malay Quarter por causa de um grupo de imigrantes do sudeste asiático e muçulmano que se instalaram lá e pintaram suas casas em diferentes cores para comemorar o fim da discriminação racial.

7 – Guanajuato, México

Património Mundial da UNESCO, Guanajuato é povoada por uma série de edifícios de cores vivas. As casas caem pelas colinas em todos os tons imagináveis. Não existe um esquema de cores sutil  – misturas rosa fúcsia com vermelho, amarelo açafrão, azul bebê e verde limão. O charme da cidade está em sua discordância. Apesar de sua beleza, não é perfeitamente restaurada e mantém o realismo: é uma cidade onde as pessoas vivem, trabalham, estudam e se divertem, não é apenas uma peça de museu para turistas.

8 – Willemstad, Curaçao

A cidade de Willemstad, qualquer coisa, menos branca de Curaçao, é um tônico visual. As cores deslumbrantes que adornam a capital desta ilha caribenha decorrem de uma fonte improvável. De acordo com os locais, no século 18, o governador da colônia holandesa decidiu que a cor branca causava enxaquecas. Assim emitiu um decreto de que os edifícios poderiam ser pintados de tudo, exceto branco. As casas em cores que lembram jóias também são o resultado de uma lei governamental. Um pedido formal para pintar uma casa deve ser submetido a autoridades locais que decidem quais cores podem ser usadas de acordo com um sistema de coloração do século XVI. Hoje, esta cidade colorida é um assentamento comercial colonial holandês perfeitamente preservado e com designação de Patrimônio Mundial da UNESCO. Um cenário perfeito para fotos de férias.

9 – San Juan, Porto Rico

San Juan é uma das cidades latinas mais americanizadas que eu conheço. Totalmente o oposto de Havana, na socialista ilha de Cuba. Com conveniência e enormes shoppings centers outdoor que tem a cara de Estados Unidos em sua parte moderna, muita história, salsa e cor em seus prédios coloniais de 1800 na parte antiga, que é chamada de Viejo San Juan. Passeando pelo centro histórico você recebe um banho de cor, desde as pedras que assentaram as ruas (cinza azuladas), passando pelas portas multiformes e coloridas, culminando nas fachadas policromáticas dos prédios. E como se não bastasse, de trás de cada porta aberta (costume dos moradores) sai o maravilhoso som das salsas porto-riquenhas. La Isla del Encanto! <3

10 – St John’s, Canadá

St. John’s é a capital de Newfoundland and Labrador e é uma das cidades mais antigas do Canadá, com uma rica história que remonta a 1.400. A arquitetura é surpreendente, um dos lugares mais coloridos do mundo. Há um trecho inteiro na cidade chamado de “Jellybean Row” (fileira de “jujubas”), onde os capitães dos navios costumavam atribuir uma cor de doce à sua casa, para que pudesse ser facilmente descoberta do mar. O resultado é esta fila policromática linda de olhar.

11 – Copenhague, Dinamarca

Copenhague não é apenas a filha mais legal do bloco nórdico, mas também é constantemente classificada como a cidade mais feliz do mundo. É esse contentamento descontraído que ajuda a dar a capital dinamarquesa o fator “uau”. O pano de fundo é lindo: suas ruas de paralelepípedos e bike friendly são uma mistura sedutora de casas, estúdios de artesanato e cafés à luz de velas. A boa aparência da cidade está intrinsecamente ligada ao famoso estilo dinamarquês para design, com sua linha industrial-chique, cenas fashion e revolução culinária. A beira-mar de Nyhavn está alinhada com moradias multicoloridas do início do século XVIII que refletidas na água te fazem pensar em perfeição. Uma grandeza de belas praias, parques arborizados e lagos elegantes também aguardam a poucos minutos de distância.

12 – Júzcar, Espanha

Enquanto muitas das cidades mais coloridas do mundo têm razões históricas para seus tons variados, Júzcar tem uma explicação muito mais moderna: Hollywood. Em 2011, os executivos da Sony Pictures pediram ao enclave andaluz se poderiam pintar a cidade de azul para uma campanha publicitária dos famosos cartoons “The Smurfs”. Quando a blitz promocional do filme “The Smurfs 3D” acabou, a Sony ofereceu a cidade que fosse restaurada ao seu icônico pueblo blanco. Os moradores de Júzcar, no entanto, se acostumaram com os turistas (e o lucro proveniente deles) e votaram em manter a cidade azul. Agora, tem a distinção de ser a única aldeia Smurf no mundo (The Smurf Village).

13 – Jodhpur, Índia

A cidade azul da Índia, escondida no estado ocidental de Rajasthan, é um colorido lembrete do sistema de castas da Índia. No passado, os brâmanes (a chamada classe alta) pintavam suas casas no tom de azul real, para diferenciar suas propriedades da classe baixa. Até o Mehrangarh Fort da cidade levou uma sólida camada de azul. Muitos suspeitam que a cor agora seja popular por vários motivos, incluindo a tradição. A composição química da tinta azulada pode ser uma boa defesa contra o calor. A cor mantém as habitações frescas do sol ardente e o tom vívido é absolutamente belo. Jodhpur não é a única cidade codificada por cores no país. Tem ainda Udaipur, a cidade branca; Nagpur, a cidade laranja; e Jaipur, a cidade cor de rosa.

14 – Chefchaouen ou Chaouen, Marrocos

Seguindo a vibe azul, Chefchaouen ou Chaouen, como é frequentemente chamada pelos marroquinos, é um destino turístico popular por causa da proximidade de Tânger e do enclave espanhol de Ceuta (portanto, próxima a Europa). Suas casas e edifícios banhados em azul vivo não escapam dos olhos. Além disso, a cidade tem artesanatos nativos que não estão disponíveis em outros lugares de Marrocos, como roupas de lã e cobertores. Chefchaouen também é o centro da produção de hashish. Mas acima de tudo, o esquema monocromático, os detalhes marroquinos, a cultura e um certo ar de mistério são os fatores que atraem turistas de todo o mundo.

15 – Menton, Côte d’Azur, França

Onde a França encontra a Itália e os majestosos Alpes, formando um pano de fundo panorâmico para o Mediterrâneo, está Menton, também conhecida como a “pérola da França”. Uma cidade litorânea particularmente sedutora que combina o melhor de todos os mundos: um clima ameno e ensolarado, uma cidade antiga com a cara da Itália e um toque boêmio essencialmente francês. Além de suas suntuosas mansões Belle Époque e seus belos jardins tropicais, este resort se destaca por seus edifícios manchados de ocre, amarelo, rosa e terracota, que, vistos a partir da água, parecem uma cascata em tons pastéis. Adicione um fantástico museu dedicado ao grande artista e diretor de cinema, Jean Cocteau, bem como excelentes restaurantes e charmosas ruelas. Menton é realmente uma obrigação pra quem visita The French Riviera. Uma das cidades mais atraentes de toda a costa.

Eu já tive o privilégio de conhecer 5 destas 15 cidades coloridas. Você saberia adivinhar quais? Só pela minha descrição empolgada já dá pra ter uma pista. 😉 Mas fiquei morrendo de vontade de conhecer também as outras 10 da lista. Na verdade, esse top 15 poderia ser facilmente um top 30. Então em breve eu volto com a sequência deste post. Enquanto isso, vamos namorando essas lindezas e aumentando a bucket list. E você, onde moraria? Pra onde viajaria se pudesse sair correndo pro aeroporto agora? 😀

Por Angélica Maldaner

Deixe um comentário

2 comentários em “AS CIDADES MAIS COLORIDAS DO MUNDO”

  1. Manoel Antonio de Jesus disse:

    Parabéns. Excelente trabalhos fotográficos.

    • Olá Manoel, td bem? Alguma parte das fotos deste post são nossas, pois estivemos em 5 das 15 cidades desta lista e parte são imagens pesquisadas na internet. Então digamos que parte do crédito é nosso, parte é do mundo ehehehe. Mas obrigada pelo carinho, amamos. E com certeza quando visitarmos as demais cidades em que ainda não estivemos, faremos belas fotos. Obrigada e Volte Sempre aqui no nosso blog. 😀