BUENOS AIRES, A CAPITAL DO ROCK!

11.09.2018 | Argentina, Buenos Aires, Destinos, Dicas, Explorando as Cidades, Festivais, Hot Spot, Música Pelo Mundo, Sair a noite

Quando se fala em música na Argentina, logo lembramos do tango e sua dança característica, mas o fato é que os argentinos amam rock e lotam suas casas e estádios para curtirem um som pesado.

Uma das maiores turnês da história do rock, a “Black Ice Tour” do AC/DC, rodou o mundo por 3 anos (incluindo o Brasil em 2009), comprovando a força da banda australiana em lotar estádios por onde passa. E o que o mundo todo viu foi registrado em três noites seguidas em Buenos Aires, onde cerca de 200 mil pessoas lotaram o Monumental de Nuñez (estádio do River Plate) para acompanhar os hits de uma das maiores bandas da história do rock.

AC/DC levou cerca de 200 mil pessoas em três noites de show em Buenos Aires

Qual foi o diferencial dessa gravação? Os argentinos. É público e notório que nossos hermanos são apaixonados pelo rock desde sempre. Fica claro o porque da opção de grandes grupos de rock em fazer lançamentos de turnês ou gravações ao vivo em Buenos Aires. O público argentino é talvez o mais intenso do mundo, tem uma reação visceral, agita sem parar, canta e pula em todas as músicas. Eles são um show à parte e tem uma profunda conexão com seu ídolo. Diz Dave Mustaine, vocalista da banda de heavy metal Megadeth, que os argentinos são os melhores fãs do mundo.

Realmente, os portenhos vão a shows de rock como vão aos estádios: com cântico coordenado e um entusiasmo que contagia os artistas.  Um show de rock na Argentina é, de fato, uma experiência religiosa. Uma reação tão acalorada que fez Mick Jagger entrar no palco com câmera em punho para filmar, em primeira mão, um show dos Rolling Stones em Buenos Aires. A banda The Strokes também já celebrou o seu maior público, de cerca de 90 mil pessoas numa das edições do festival Lollapalooza em BUE.

Melhores locais para ver um show em Buenos Aires:

Luna Park  ( Av. Madero, 420 – Centro)
Mais emblemática entre as casas de shows portenhas, o estádio Luna Park existe desde 1932 e já foi palco de eventos esportivos (principalmente torneios de basquete e lutas de boxe), religiosos (do Papa João Paulo II ao Dalai Lama) e sociais (como o velório de Gardel e a histórica festa de casamento de Diego Armando Maradona). Com sete mil metros quadrados e capacidade para quase 10 mil espectadores, são incontáveis os músicos que já se apresentaram ali, de Frank Sinatra a Caetano Veloso e Gilberto Gil, passando por Oasis, Faith no More, Buena Vista Social Club e muitos outros. Em 2007, o Luna Park foi declarado Monumento Histórico Nacional.

Teatro Vorterix  ( Av. Federico Lacroze, 3455 – Colegiales)
Apesar de seus poucos anos de vida, o Vorterix já entrou na rota dos melhores shows da cidade, principalmente de rock. Por aqui já passaram bandas como Sepultura, Megadeth, Molotov, além de grupos argentinos com propostas bem diversas, como Él Mató a un Policía Motorizado, Juana Molina e Onda Vaga. Além do teatro, com capacidade para 1.584 pessoas em pé, o projeto Vorterix inclui uma rádio (FM 103.1)

Niceto Club  ( Niceto Vega, 5510 – Palermo Hollywood)
Sem dúvidas, esse boliche (como os portenhos chamam as baladas) tem uma das noites mais quentes e interessantes de Buenos Aires, com uma programação impecável que inclui tanto festas moderninhas animadas por DJs, quanto shows de bandas alternativas ou, no mínimo, menos óbvias. Dos britânicos da Buzzcocks aos colombianos da Bomba Estéreo, aqui você tem a chance de conhecer artistas de todos os cantos do mundo, do soul ao funk, do hip hop ao reggae. A casa existe desde 1998 e sempre apostou na qualidade de curadoria das atrações, aliando bons shows a um ambiente bacaninha, em pleno Palermo Hollywood. O Niceto tem dois espaços com programações e pistas diferentes, o Lado A (para os shows maiores) e o Lado B (para atrações mais intimistas).

La Trastienda ( Balcarce, 460 – San Telmo)
Aberta no final de 1993 em San Telmo, a casa que no final do século 19 era um armazém, se transformou em um charmoso café-concerto com capacidade para 700 pessoas. A programação é eclética, mas a agenda costuma pender para o chamado “world music”, o jazz, tango e música folclórica. Entre os artistas que já subiram neste palco estão: Cesárea Évora, Medesky Martin & Wood, Emir Kusturica, Café Tacuba, Skatalites e os brasileiros O Rappa e Paralamas do Sucesso.

Buenos Aires é recheada de atrações culturais de todos os gêneros e repleta de programas bacanas pra você curtir. Clique aqui e leia nosso post sobre ” O que fazer a noite em Buenos Aires”, que com certeza vai lhe ajudar a decidir entre tantas alternativas pela cidade. E antes de embarcar, confira alguns shows que vão passar por Buenos Aires neste site.

LEIA MAIS:

BUENOS AIRES: O QUE VOCÊ PRECISA SABER ANTES DE VIAJAR

ROTEIRO DE 3 DIAS EM BUENOS AIRES

ONDE COMPRAR EM BUENOS AIRES

FUTEBOL, UMA PAIXÃO ARGENTINA

FUERZA BRUTA “WAYRA” – BUENOS AIRES, ARGENTINA

Por Diego Oliveira

Deixe um comentário