“LA MOVIDA” DE MONTEVIDÉU – URUGUAI

13.07.2016 | Destinos, Montevidéu, Uruguai, Viagens Curtas, Vida Noturna

Queridos leitores baladeiros de plantão, para nós Montevidéu é O lugar! \o/

Movida é como chamam o movimento da noite, que é intenso e cheio de possibilidades. Os uruguaios são festeiros e alegres, adoram dançar e cantar junto com a música. Eles têm vários “hinos de festa” que todos cantam abraçados em alta voz. É muito fácil conhecer gente e, além disso, eles adoram os brasileiros, então a diversão é garantida! Como mencionei no post O Que Conhecer em Montevidéu – Uruguai, nós do Volto Segunda vamos muito para lá e quando a ideia é cair na noite, recomendamos sempre chegar na quinta e partir no domingo.

MV 054

Aqui vou contar pra vocês sobre vários pubs, boliches (como chamam as danceterias), after parties e um pouco da cena underground das baladas. A maioria desses estabelecimentos conhecemos pessoalmente, outros são indicados por amigos locais que curtem a mesma vibe que nós.

Como somos fãs de música latina, tendemos a buscar lugares com esse tipo de som. Toca muito reggaeton, pop, cumbia, um pouco de rock e no meio algumas músicas perdidas dos anos 80 que eles adoram. E claro, alguns hits brasileiros.

O que é comum em quase todos os locais, é que não paga para entrar, apenas o que se consome. O valor das bebidas é equivalente ao Brasil. Muitos lugares não aceitam cartão de crédito, informe-se antes.

IMG_4679

As cervejas mais vendidas na noite são Patricia e Zillertal, a Norteña não é muito encontrada. Ah, e tem uma bebida que eles amam, o clássico Fernet Cola, que mesmo sendo italiano, é uma instituição uruguaia e argentina. Trata-se de um drink forte e amargo (gostinho de Olina), que num primeiro momento não agrada muito ao paladar do brasileiro, mas seja valente e prove. 😉

O grande barato é que quando você se der por conta, estará tomando Fernet, cantando os “hinos da noite” e trocando uma ideia em portuñol com novos amigos uruguaios. É um negócio contagiante, buena onda, como dizem! 😀

IMG_8249

A maior concentração de pubs e boliches legais é no bairro Pocitos. Tudo é perto, e pode-se andar a pé em algumas ruas onde há mais opções de lugares, e de táxi, se quiser ir um pouco mais longe. Quando o final da festa está se aproximando, é fácil pegar táxi em frente aos locais.

1026

Para fazer a previa (como chamam o esquenta), há inúmeras alternativas de pubs bacanérrimos, nos quais normalmente fazem happy hour direto do trabalho ou chegam pelas 22h00.

Nós gostamos muito do Gallaghers Irish Pub, a fachada é um charme e o interior é super bonito e aconchegante. O bar é especializado em whiskies, são mais de 40 tipos no cardápio, e cervejas, 50 opções provenientes de todo o mundo e ainda 8 artesanais locais. Provamos o menu degustação da cerveja artesanal local Mastra, uma das nossas preferidas. A comida é saborosa, servem pizzas, batatas bravas, chivitos (uma espécie de hambúrguer, leia mais sobre A Gastronomia de Montevidéu – Diversidade e Tradição) e muito mais, e o atendimento é bom. Nos finais de semana recomendo fazer reserva, porque é bem movimentado. Vale conhecer!

IMG_1213

Outra ótima pedida neste mesmo estilo é o Burlesque Irish Pub, um ambiente bacana e descolado. O local é grande e mesmo assim fica lotado. Oferece muitos tipos de cervejas e a comida é boa. O atendimento é ágil e cortês. Ao lado há um lugar para dançar, o 21Bar (depois conto mais sobre ele), assim é possível fazer um programinha combinado!

DSC_2155

O Brickell Irish Pub tem uma pegada rock and roll, é bem decorado, com música ao vivo em algumas noites. Mais cedo o pessoal fica nas mesinhas bebendo e petiscando, se essa for sua intenção reserve seu lugar e depois das 2h00 vira festa pra dançar. Apresenta um menu completo com ampla variedade de bebidas e comidas, prove a Cabesas Bier cerveja artesanal uruguaia. A qualidade do atendimento depende do dia. No geral, o pub é bem bacana e fica na esquina do Después Te Explico, o que para nós é um diferencial, você já vai entender! 😀

Sugiro ainda o tradicional Bar Las Flores, onde você pode comer uma excelente pizza e tomar cerveja. É bem simples, no melhor estilo boteco, e muito requisitado para happy hours.

E aí, já escolheu seu lugar para a previa? As próximas dicas são pra dançar, os boliches!

O Después te Explico, (sim o nome é esse mesmo!), é disparado nosso lugar preferido para bailar, de quinta a sábado não tem erro. Quando for pela primeira vez, pode ir mais cedo petiscar, inicialmente tem mesas e quando se aproxima a meia noite eles recolhem e começa a festa. Assim já garante seu lugar. 😉 Caso contrário, chegue até a meia noite porque lota e depois somente saindo alguém para entrar, já que não é muito grande. A boa notícia é que tem um segurança que simpatiza com os brasileiros e que sempre nos deixa passar. Lá dentro vai encontrar “dois ambientes”, um hall com sofás e mesinhas de apoio e o da pista de dança lotado de gente bonita. A música é ótima e o balcão do bar meio apertado. Na rua tem algumas mesinhas com toldos onde o pessoal fica quando sai para fumar, em Montevidéu ainda fumam muito, mas é proibido dentro dos locais. A festa vai até 5h00 – 6h00 da manhã dependendo do dia. Super recomendamos!

despues

Perto há um boliche novo – abriu em março de 2015 – uma boa opção para as quintas, que se chama Doña Marta. É na zona limite entre Cordón, Parque Rodó e Pocitos que está enchendo, cada vez mais, de alternativas pra curtir a noite. O bar é inspirado em Cuba, por isso o nome, o que fica evidente na decoração com muitos objetos deste país e além disso, servem um excelente mojito cubano. São dois pisos com um bar em cada um deles, salas de estar e pista de dança. Mas até a 1 da manhã só entra quem quiser comer sentado nas mesas do bar, que logo após esse horário são retiradas para abrir a pista de dança. Toca basicamente cumbia e reggaeton e o povo baila a noite toda. Se quiser aguardar antes de se atirar na pista, uma boa opção é ir ao TPM (The Puta Madre), bar charmoso em frente ao Doña Marta.

1044

Pista de Dança do Doña Marta

1030

TPM – The Puta Madre

O Jackson Bar é outra nova opção – abriu em junho de 2015 – e está de moda, como dizem por lá, nossos amigos adoram! Nós tentamos ir numa sexta, mas como chegamos tarde já tinha fila, daquelas bagunçadas que não andam e as pessoas começam a se aglomerar na porta. Como estava frio, fomos nos aquecer na pista do Después te Explico. As quartas, quintas e mais cedo nas sextas e sábados, funciona como resto bar com música eletrônica, rock e pop. Mais tarde da noite nas sextas e sábados, começa a tocar cumbia e reggaeton. Por isso nestes dias vá mais cedo (tipo 22h00 – 22h30) pra petiscar e já fique pra noite forte. A proposta do lugar é bacana, tem um ambiente fechado onde é a pista de dança, com música a todo o vapor. E outro aberto, como um grande pátio, com mesas e salinhas de estar, ideal para conversar e tomar um trago. E a galera fica neste vai e vem!

jackson 2

Para os fãs de música eletrônica o lugar é o Lotus Club, aberto de quinta a sábado. É possivelmente o boliche com a melhor infraestrutura de Montevidéu: têm dois bares internos e um externo, excelente sistema de som e luzes, mesas e sofás aconchegantes, linda decoração e uma pista de dança grande que ocupa todo o centro do local. Começa a encher a partir da 1h30 e a festa segue até as 6h00, é uma balada alto nível com um público seleto. A maior parte do tempo toca música eletrônica e no final da noite, talvez algo de cumbia e reggaeton.

Lotus

Outro lugar que recomendamos para ir especialmente aos domingos é o 21Bar, porque é uma das poucas alternativas que tem movimento neste dia da semana. As quintas, também dá pra arriscar. Nós gostamos de lá, sempre nos divertimos e conhecemos gente legal. É um ambiente amplo com várias mesas e é possível sentar também no balcão do bar que é bem espaçoso, onde servem uma Patricia bem gelada, e a casa ainda oferece batatas chips e amendoins de cortesia pra acompanhar a cerveja. O atendimento é excelente, a música é ótima e dá pra dançar muito. Indicamos! Atenção: esse bar já foi na rua 21 de setembro, daí o nome, mas mudou-se e alguns taxistas ainda confundem. Confira o novo endereço no link.

IMG_4933 essa

IMG_1294

Pra quem curte rock, sugerimos um barzinho clássico no centro da cidade, o Pony Pisador. A noite que fomos, um sábado, estava tocando a banda da casa, fazem um baita som! Mas, como sempre, antes de ir verifique a programação, porque em alguns dias toca algo de música brasileira ou cumbia. Normalmente tem música ao vivo, funciona também para happy hour porque abre cedo, não se paga para entrar e as bebidas tem preço bom. As pizzas e batatas aos 4 queijos são famosas. Quanto ao público que frequenta, é bem diversificado, no estilo “tem de tudo, pinte lá”. 😀 Atenção: esse bar já foi em Pocitos, às vezes fazem confusão. Confira o endereço atual no link.

pony

Nas quartas e quintas tem a opção de um “inferninho” bem underground, o Azabache (avenida Dr. Lorenzo Merola, sem número, Parque Batle). Sabe aquelas festas muito loucas, no melhor estilo popular? O ambiente é grandão, tipo danceteria de praia, uma parte fechada com pista de dança lotada e uma externa que é um amplo quiosque. Gente, o negócio é animado e ferve, vá com bastante disposição. Nas quartas é a balada mais forte, e nas quintas quando as noites vão acabando, os mais animados (nós 😉 ) seguem pra lá. É frequentado por gente de todos os estilos pra todos os gostos e o “bate coxa” rola solto. Vá por sua conta e risco!

E aí cansou? Ainda tenho a recomendação de um after party, o lugar chama El Bacilon, com mais de 20 anos funcionando na capital uruguaia. Abre a partir da 1h00, mas as pessoas começam a chegar a partir das 4h00 pra seguir a festa de onde estavam. Recomendado para os festeiros fortes que gostam de rock, é um ambiente relaxado e sem pretensões, que lembra uma bodega, termina pelas 7h00, 7h30. Espere encontrar muita gente borracha y loca!

Ufa, quantas possibilidades! E tenho certeza que ainda há muito mais pra explorar nesta cidade cheia de disposição. A vida noturna, de fato, é um ponto fortíssimo de Montevidéu e com tantas opções você achará “o seu lugar”!

Vá sem medo de ser feliz, circule pela noite e pásalo bien, como eles dizem!

Eu já estou louca pra voltar! Vamos? 😉

Preto e Branco

LEIA MAIS:

DICAS PARA OS BALADEIROS DE PLANTÃO

INFORMAÇÕES BÁSICAS DE MONTEVIDÉU – URUGUAI

ONDE FICAR EM MONTEVIDÉU – URUGUAI

FAZENDO A MALA PARA O FRIOZINHO DE MONTEVIDÉU

O QUE CONHECER EM MONTEVIDÉU – URUGUAI

URUGUAI, A TERRA DOS VINHOS TANNAT

A GASTRONOMIA DE MONTEVIDÉU – DIVERSIDADE E TRADIÇÃO

COMPRAS EM MONTEVIDÉU

URUGUAI, O PAÍS DO ROCK, DA CUMBIA E DA MURGA

RECEITAS DO MUNDO: URUGUAI

Por Aline Maldaner

Deixe um comentário

12 comentários em ““LA MOVIDA” DE MONTEVIDÉU – URUGUAI”

  1. Jomar disse:

    Boa tarde. Saem me dizer quais os nomes das boates de swing que tem em Montevidéu?

  2. Diego disse:

    Ola,Bom dia!
    Saem me dizer onde encontro zonas que tem em Montevidéu?

  3. Mariana disse:

    Parabéns pelas dicas. Ajudou muito.

  4. NOME disse:

    Somos um casal liberal estamos indo em março para Uruguai e Argentina qual as melhores praias de nudismo e balada de swing neste país estamos indo de carro no início de março queremos acampamento de nudismo e conhecer casais liberais para uma boa amizade

    • Olá tudo bem? Infelizmente isso não sabemos informar! Normalmente vamos a pubs e praias comuns. Mas se colocarem no Google certamente devem aparecer opções na pesquisa. Ou talvez no TripAdvisor tenham algumas opções já com avaliação!! Uma ótima viagem para vcs! Abraços

  5. J.d Almeida disse:

    Somos um casal liberal estamos indo em março para Uruguai e Argentina qual as melhores praias de nudismo e balada de swing neste país estamos indo de carro no início de março queremos acampamento de nudismo e conhecer casais liberais para uma boa amizade

    • Olá tudo bem? Infelizmente isso não sabemos informar! Normalmente vamos a praias e pubs comuns. Mas se colocarem no Google certamente devem aparecer opções na pesquisa. Ou talvez no TripAdvisor tenham algumas opções já com avaliação!! Uma ótima viagem para vcs! Abraços

  6. Jucemar Rosa Santos disse:

    Pretendo ir a Montevidéu em Julho/2019, gostaria de uma dica: Além de ir a passeio, gostaria de trabalhar como músico, estarei lançando um CD nessa época..Poderia indicar bares que tem o perfil de musica brasileira (Samba, blues e canções) ?

    • E aí Jucemar tudo bem? Que legal, você vai amar Montevidéu. Lamento mas não conhecemos nenhum bar de música brasileira lá, porém posso te adiantar que os uruguaios curtem nosso estilo musical. Uma ideia seria você fazer uma busca no TripAdvisor, pois lá os bares podem estar categorizados por gênero e além disso são avaliados. Boa sorte e boa viagem. Obrigada por nos acompanhar! Um abraço, Aline.