DICAS PARA VIAJAR DE AVIÃO COM CRIANÇAS

21.03.2018 | Dicas, Viajando com crianças, Voo

Chegou a hora de planejar aquela viagem em família e só de pensar em tudo que você precisa organizar já dá um cansaço, não é mesmo? Mas não precisa ser tão estressante, com um pouco de planejamento você vai tirar de letra e curtir cada pedacinho desse tempo precioso com as crianças. Se a viagem for de avião, confira abaixo o nosso guia com dicas que vão te ajudar muito!

  • Verifique a documentação exigida. Para voo nacional, o menor precisa ter apenas documento de identidade ou certidão de nascimento. Já para voos internacionais, a criança precisa de passaporte e em alguns países, de visto.
  • Leve sempre a carteira de vacinação do seu filho. Caso ocorra alguma intercorrência, o médico poderá verificar qual vacina já foi realizada.
  • Chegue com antecedência no aeroporto. Para voos nacionais, 1 hora antes. Para voos internacionais, 2 horas. Considere que, com crianças, precisamos de um tempo extra para atendê-las.
  • Quanto a bagagem de mão, prefira mochilas. São mais práticas e deixam suas mãos livres para cuidar dos pequenos.
  • O carrinho e o bebê conforto podem ser levados até a porta da aeronave. Ali eles serão despachados e o melhor é que não contam como bagagem.
  • Adultos com crianças de colo tem prioridade tanto no check-in e embarque como nos assentos do avião, que geralmente são os da primeira fileira, que é mais espaçosa. Avise no momento da reserva.
  • Para passar no Raio X do aeroporto, evite muitos acessórios, tanto em você quanto na criança. Assim você agiliza o procedimento e torna tudo mais fácil. Escolha roupas confortáveis e sapatos fáceis de tirar e colocar.
  • Na bagagem de mão é importante você levar: roupa extra para criança e para o adulto que está acompanhando (no caso de vômitos ou qualquer outro pequeno acidente). Lembre ainda das mamadeiras, chupetas, lenço umedecido, fraldas, pano de boca, uma mantinha ou casaco (o ar condicionado do avião é gelado). Álcool gel também pode ser muito útil e se a criança estiver gripada, leve soro fisiológico para compensar o ar seco da aeronave.

  • Durante a decolagem e pouso, para evitar a pressão chata no ouvido, dê algo para criança sugar: como chupeta, peito ou mamadeira.
  • Leve lanchinhos leves para os pequenos como: papinhas, frutinhas, barras de cereal, bolachas. Voos com menos de uma hora e meia não oferecem lanches. Voos maiores que isso sim.
  • Você pode embarcar com alimentos nas embalagens fechadas, mamadeiras (com o pó na medida certa) e com remédios que precisar para a criança durante o voo. Tudo pode ser inspecionado na hora de passar pelo raio X.
  • A maioria dos aviões tem trocador de tampo na parede no banheiro, mas são minúsculos. Sugiro que você leve aqueles trocadores portáteis de plástico e troque a fralda em alguma poltrona vazia ou peça ajuda para uma comissária.
  • Para a criança se distrair durante o voo, leve brinquedos e passatempos como: livros, tablets com desenhos e jogos, papel e lápis de cor, cartas ou o que seu pequeno preferir. E lembre-se de escolher brinquedos mais silenciosos e que não façam sujeiras como massinhas e gelecas.
  • Sempre que possível, escolha voos noturnos. A chance do seu filho tirar um bom soninho é maior.
  • Mesmo que crianças tenham prioridade no embarque, sugiro que você o faça por último, logo seu filho ficará menos tempo na aeronave.

E aí, curtiu as dicas? Agora é só fazer as malas, chamar a criançada e embarcar! Boa viagem!

Agradecemos nossa querida amiga Bruna Elias Castelan que colaborou muito neste post com suas fotos e com toda sua experiência e dicas nas viagens com a pequena e fofa Luiza!

LEIA MAIS:

10 DICAS PARA UM VOO MAIS TRANQUILO

10 DESTINOS DIVERTIDOS PARA IR COM CRIANÇAS

EXPLORANDO A SERRA GAÚCHA COM CRIANÇAS

O MELHOR DE CADA PARQUE DE ORLANDO

 

Por Gabriela Maldaner

Deixe um comentário